“A Plataforma”, o novo filme da Netflix que se está a tornar viral

“A Plataforma”, o novo filme da Netflix que se está a tornar viral

O thriller distópico espanhol chegou à plataforma de streaming na sexta-feira, 20 de março. “A Plataforma” é um trabalho conceptual, realizado pelo espanhol Galder Gaztelu-Urrutia, que pretende ser uma metáfora para aquilo que o capitalismo representa no seu estado mais corrupto.

 

Neste mundo distópico há criminosos, mas também voluntários dentro da prisão, que entram em troca de alguma forma de pagamento. Cada piso tem acesso à plataforma por apenas dois minutos, o que significa que os prisioneiros se atiram violentamente quando chega a sua vez, comem e bebem tudo o que lhes aparece à frente e não podem tirar nada para comer mais tarde na cela, sob pena de morte.

 

A ideia de classes é explorada pela premissa do filme como um reflexo da sociedade capitalista e da forma como as classes superiores são beneficiadas em relação às que estão em baixo, o que já lhe valeu algumas comparações com “Parasitas“. Cedo se torna claro que a plataforma começa a descida com comida suficiente para todos, mas quem está no piso de cima come sempre mais do que necessita, deixando os da base, por vezes literalmente, a morrer à fome.