Billie Eilish obtém ordem de tribunal contra perseguidor

Billie Eilish obtém ordem de tribunal contra perseguidor

Billie Eilish obteve uma ordem judicial contra um homem desconhecido que aparecia repetidamente em sua casa, em Los Angeles. O perseguidor da cantora não pode entrar em contacto com a cantora ou com os seus pais, nem ficar a menos de 100 metros da família.

 

O homem, que tem residência em Nova Iorque, apareceu à porta da casa de Billie Eilish, em Los Angeles, por sete vezes nos passados dias 4 e 5 de maio. Prenell Rousseau acabou por ser detido e enviado de volta para Nova Iorque.

 

Nos documentos entregues em tribunal, a artista de 18 anos explicou que o “comportamento errático” de Prenell Rousseau a deixava, a si e à sua família, com medo. “Enquanto esperávamos que viessem os seguranças, ele sentou-se no nosso pátio a ler um livro, falando sozinho. O meu pai pediu-lhe repetidamente que se fosse embora, mas ele recusava-se”.