Buscas na Câmara de Faro resultam em quatro arguidos

Buscas na Câmara de Faro resultam em quatro arguidos

A Câmara de Faro foi alvo de buscas pela Polícia Judiciária, esta terça-feira, segundo uma notícia da Agência Lusa.

O vice-presidente da autarquia, Paulo Santos, assegurou ter respondido a todas as questões e colaborado com a investigação.

A posição da Câmara de Faro foi expressa num esclarecimento público divulgado depois da Procuradoria Geral da República (PGR) e a Polícia Judiciária (PJ) terem feito buscas na empresa municipal AmbiFaro, no mercado municipal e num escritório de advogados.

Em causa estarão eventuais crimes “de corrupção, de participação económica em negócio, de peculato e de prevaricação”.

Foram constituídos quatro arguidos. De acordo com o Algarve Primeiro trata-se do Vice-Presidente da Autarquia, Paulo Santos, a Presidente do Conselho de Administração da empresa municipal Ambifaro, Sandra Ramos, (ex-mulher de Paulo Santos), Hugo Geraldes, Diretor da Ambifaro e reponsável pelo Mercado Municipal e um advogado.

 

Ana Marisa Vieira