Estudo de Impacto Ambiental chumba construção de três hotéis em Portimão

Estudo de Impacto Ambiental chumba construção de três hotéis em Portimão

O Estudo de Impacto Ambiental (EIA) desfavorável travou a construção de três hotéis junto à Praia da Rocha, em Portimão.

A secretária de Estado do Ordenamento do Território, Célia Ramos, falava na Comissão de Ambiente a requerimento do Bloco de Esquerda sobre o projeto imobiliário previsto para o espaço natural conhecido como João de Arens, junto à Praia da Rocha.

projeto consistia num loteamento urbano para fins turísticos, constituído por três lotes, cada um com um estabelecimento hoteleiro com um máximo de três pisos, num total de 411 quartos, num investimento estimado em 40 milhões de euros. 

O projeto hoteleiro foi também alvo de uma contestação de cidadãos que considerou “um erro urbanístico que colide com valores naturais e ambientais da zona ”. Já a associação ambientalista Almargem classificou a iniciativa de atentando ambiental grosseiro. 

 

Ana Marisa Vieira