GNR deteve sete suspeitos de quase 200 crimes de roubo e furto

GNR deteve sete suspeitos de quase 200 crimes de roubo e furto

Quatro mulheres e três homens foram hoje detidos em Lisboa e em Évora por suspeitas da prática de 197 crimes de roubo e furto qualificado, segundo a GNR.

Em comunicado, a Guarda Nacional Republicana (GNR) adiantou que na origem das detenções está uma investigação a vários crimes que ocorreram em 13 distritos de Portugal continental – Aveiro, Braga, Castelo Branco, Évora, Faro, Guarda, Lisboa, Portalegre, Santarém, Setúbal, Viana do Castelo, Vila Real e Viseu.

“Os suspeitos, estão indiciados em 197 crimes, designadamente 63 por roubo, 102 por furto qualificado, 23 por furto simples e nove por violência após subtração, em que as vítimas eram predominantemente pessoas idosas, em situação vulnerável, encontrando-se habitualmente sozinhas nas suas habitações”, adianta a GNR.

Hoje, a GNR deu cumprimento a 12 mandados de busca domiciliária.

Os detidos com idades entre os 26 e os 63 anos, vão ser presentes na quinta-feira ao Tribunal de Sintra para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.