Há falta de mão de obra para a restauração, no Algarve

Há falta de mão de obra para a restauração, no Algarve

O presidente da Câmara Municipal de Albufeira, José Carlos Rolo, afirmou ao Postal que “em Albufeira chega a ser trágico assistir a restaurantes que se vêem na contingência de não conseguir abrir portas no que é considerado o melhor mês do ano”.

Mas o fenómeno é transversal em toda a região litoral do Algarve e são dezenas os restaurantes fechados por falta de mão de obra com falta de pessoal para a cozinha e para servir às mesas.

Segundo o jornal, em Portugal existem mais de 40 mil vagas por preencher, com especial relevância no Algarve.

 

Ana Marisa Vieira