Homem acusado de 31 crimes de abuso sexual infantil em Portimão

Homem acusado de 31 crimes de abuso sexual infantil em Portimão

O Ministério Público deduziu acusação contra um homem de 46 anos de idade, pela prática de 31 crimes de abuso sexual de criança agravado.

De acordo com a acusação, o arguido abusou sexualmente da filha da sua companheira ao longo de cerca de seis anos, desde os 7 anos da vítima, refere uma nota publicada no sítio de Internet da Procuradoria da Comarca de Faro.

“Indicia-se que os factos ocorriam nos períodos de férias da criança, quando esta se deslocava ao Algarve às casas onde viviam o arguido e a sua companheira, sem o conhecimento desta”, lê-se no comunicado.

Segundo o Ministério Público (MP), há ainda indícios de que o arguido, que se encontra em prisão preventiva, “ameaçava a criança de morte e de contar aos seus familiares.

O inquérito foi dirigido pelo MP da secção de Portimão do Departamento de Investigação e Ação Penal (DIAP) de Faro, com a coadjuvação da Polícia Judiciária.