Hoteleiros do Algarve pedem respostas ao Governo

Hotel Quarto

Hoteleiros do Algarve pedem respostas ao Governo

Os empresários da hotelaria do Algarve solicitaram ao Turismo de Portugal uma resposta rápida na atribuição dos créditos de tesouraria” para fazerem face aos prejuízos da falência da Thomas Cook.

O anúncio foi feito aos jornalistas, pelo vice-presidente do Turismo de Portugal, Filipe Silva, à saída da reunião na Região de Turismo do Algarve (RTA), sobre os procedimentos a adotar pelas empresas lesadas junto de cada mercado face aos créditos, vencidos e por vencer

Outra das medidas anunciada e a “implementar rapidamente” pelo Turismo de Portugal é uma campanha de promoção dos destinos Algarve e Madeira, os dois mais afetados por esta falência. A RTA estima prejuízos apurados de quase quatro milhões e 400 mil euros.

 

Ana Marisa Vieira