Linha aérea Bragança-Portimão vai ser encerrada “temporariamente” a partir de dia 22 de fevereiro

Linha aérea Bragança-Portimão vai ser encerrada “temporariamente” a partir de dia 22 de fevereiro

A reativação está pendente da contratação do serviço público, ainda não formalizado, de acordo com a empresa Sevenair. A linha aérea regional entre Bragança, Vila Real, Viseu, Cascais e Portimão é operada pelo grupo aeronáutico Sevenair que acrescenta tratar-se “de uma situação externa à empresa”, a qual aguarda que “seja solucionada a qualquer momento”.

Questionado pela Lusa, o Ministério das Infraestruturas e da Habitação esclareceu que o contrato de serviço público assinado com a Sevenair está condicionado porque a empresa não enviou ainda os relatórios de execução financeira de cada prorrogação efetuada, apesar da insistência do Governo.

Por esse motivo, explica o ministério, os relatórios não têm sido enviados para a Inspeção-Geral de Finanças, que, sem essa documentação, não liberta as verbas para a concessionária.

A Lusa tentou ouvir o grupo Sevenair, mas sem sucesso, até ao momento.