NATO analisa envenenamento do líder opositor russo Alexei Navalny

NATO analisa envenenamento do líder opositor russo Alexei Navalny

A NATO reúne-se hoje para avaliar as implicações do envenenamento com ‘novichok’ do líder opositor russo Alexei Navalny, anunciou um porta-voz da Aliança Atlântica.

Na reunião, responsáveis alemães vão informar os aliados, na sequência do anúncio pelo Governo de Berlim de que dispõe de “provas inequívocas” de que o líder opositor, de 44 anos, foi envenenado com aquele o agente neurotóxico.

Principal opositor do Presidente russo Vladimir Putin, conhecido pelas investigações anticorrupção a membros da elite russa, Alexei Navalny, 44 anos, foi internado a 20 de agosto, em coma, num hospital de Omsk, na Sibéria, e transferido a 22 de agosto para um hospital de Berlim.