Sindicato da Hotelaria do Algarve exige que Governo promova medidas para trabalhadores

Hotel Quarto

Sindicato da Hotelaria do Algarve exige que Governo promova medidas para trabalhadores

O Sindicato da Hotelaria do Algarve exige que o Governo promova medidas para que as empresas adotem planos de contingência urgentes com vista à prevenção do contágio por coronavírus, nos locais de trabalho. 

Os sindicalistas não entendem porque razão “foram excluídos” da recente reunião promovida pela Região de Turismo do Algarve e a Administração Regional de Saúde do Algarve, onde foi feita uma avaliação sobre a evolução da epidemia na região e sobre as medidas a tomar para combater a sua propagação

O sindicato defende que nesta matéria, além de se debater a questão relacionada com o impacto económico negativo nas contas das empresas ligadas ao setor, “é necessário ter em conta, que deve ser dada prioridade à proteção da saúde, do emprego e dos rendimentos dos trabalhadores”.