SOS Animal pede fiscalização à herdade de João Moura

SOS Animal pede fiscalização à herdade de João Moura

A SOS Animal quer que as autoridades fiscalizem os outros animais que existem na herdade do cavaleiro tauromáquico João Moura, detido na quarta-feira por suspeitas de maus-tratos, e que apreendam os que possam estar em risco.

Na nota, Rita Silva indica que a Animal “tomou conhecimento de que estes casos na herdade de João Moura não são de agora, o que muito lamenta”.

Na semana passada, a organização SOS Animal anunciou que vai constituir-se assistente no processo criminal contra João Moura.

O cavaleiro tauromáquico foi detido na sequência do cumprimento de um mandado de busca à sua propriedade, que resultou ainda na apreensão de 18 cães.

Presente no mesmo dia a tribunal, para ser interrogado, foi-lhe imposto termo de identidade e residência, a medida de coação menos grave e que obrigatoriamente é aplicada a um arguido.