Ventiladores hospitalares oferecidos ao Centro Hospitalar Universitário do Algarve com problemas técnicos

Ventiladores hospitalares oferecidos ao Centro Hospitalar Universitário do Algarve com problemas técnicos

Os 30 ventiladores hospitalares adquiridos pela Comunidade Intermunicipal do Algarve e oferecidos ao Centro Hospitalar Universitário do Algarve (CHUA) “têm problemas técnicos” que os impedem de funcionar.

Segundo António Pina, presidente da AMAL“Existem alguns ventiladores que não passaram nos testes. 

O problema com o funcionamento dos aparelhos nos hospitais de Portimão e Faro, adquiridos a uma empresa chinesa, foi avançada hoje pelo jornal Correio da Manhã.

António Pina indicou que está a aguardar pelo relatório final dos ventiladores, ressalvando que existiram “outros problemas com equipamentos que não estavam a 100%, mas que foram resolvidos com os técnicos da empresa através de uma reprogramação remota”.

O presidente da AMAL acredita que “até ao final da próxima semana possa existir uma resposta.

Até ao momento, em Portugal, morreram 1.682 pessoas com covid-19. 48.077 foram confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.